Os segredos das regras de Validação e Substituição

Este blog tem a finalidade de passar minhas dicas para que seja possível a criação de regras de Substituição e Validação, bem como sua manutenção, da maneira mais eficiente possível.

As regras de validação e substituição são ferramentas muito úteis em qualquer instalação do SAP. Independente da versão, praticamente não existe projeto implementado sem ao menos definir alguma regra. No Brazil pode-se dizer com certeza que ao menos uma regra de Substituição é obrigatória devido ao cumprimento de requisitos fiscais para SPED, que é a regra definida na Nota 108559 para automatizar o histórico contábil.

Mas o que são as regras de Validação e Substituição, e quais as diferenças?

Substituição:

Serve para modificar qualquer campo no lançamento contábil que pertençam as tabelas de Cabeçalho (BKPF) e Item (BSEG) do documento. Isso sem a necessidade de codificação ABAP. Caso seja necessários realizar seleções em outras tabelas, é necessário a criação de uma User Exit para a regra de substituição. É ativada através de uma condição definida, e uma vez que os critérios são alcansados, a modificação que também deve ser definida irá ocorrer.

Validação:

Tem a finalidade de bloquear uma operação que não atende os critérios estabelecidos. Através de uma condição estabelecida é realizada uma verificação. Aí uma mensagem de erro, aviso ou informação para notificar o usuário sobre a validação executada.

Maiores informações conceituais podem ser verificadas no wiki da Comundade. Vejam também as dúvidas mais frequentes e todas as transações para a criação das regras através desta Nota da SAP 842318.

Os 4 vídeos a seguir trazem o passo a passo para a criação e manutenção das regras com ferramentas muito úteis oferencidas pelo sistema. É hora de explorar!

  1. Regra de Substituição com User Exit (Duração 01′ 08″)
  2. Identificando as regras pelas mensagens (Duração 02′ 29″)
  3. Ferramenta de rastreamento de regras (Duração 04′ 01″)
  4. Saiba porque o BTE é melhor que a Regra de Substituição (Duração 03′ 07″)

Vídeos:

1. Regra de Substituição com User Exit (01′ 08″)

A regra de substituição mais utilizada é a que preenche automaticamente o histórico contábil para atender requisitos legais de emissão de relatórios.

2. Identificando as regras pelas mensagens (02′ 29″)

Como localizar e analisar uma regra de Validação/Substituição partindo de uma mensagem de erro? Veja como facilitar sua verificação de uma maneira simples.

3. Ferramenta de rastreamento de regras (04′ 01″)

Esta ferramenta de rastreamento das transações de regras de Validação/Substituição é muito útil quando se faz testes em ambientes desconhecidos onde geralmente possuem muitas regras diferentes para entrada de informações. Dessa maneira ficará mais fácil identificar as regras e informações a serem preenchidas.

4. Saiba porque o BTE é melhor que a Regra de Substituição (03′ 07″)

Bora ver as funcionalidades do BTE e saber porque ele é MELHOR que a Regra de Substituição.

Obrigado a todos que se interessaram neste conteúdo. Deixem seus comentários com dúvidas e perguntas. Terei o prazer em responder a todos.

Até o Próximo Blog!